Dicas

Aqui oferecemos dicas sobre tecnologia estética, tratamentos, depilação e saúde.

Acompanhe as nossas informações e esteja sempre atualizado!

Retenção de líquidos

Retenção de líquidos. Um problema comum!

Este é um daqueles problemas que todas as mulheres sabem que vão ter, mais tarde ou mais cedo. No entanto, retenção de líquido e acumulação de gordura são muitas vezes confundidos. Alguns estudos afirmam que podemos ganhar até 2,3 kg em retenção de líquidos. 
Identificar os sintomas é o primeiro passo para compreender o que se passa com o seu corpo. Geralmente a maioria das mulheres consegue perceber os sinais de inchaço, mas só se consegue confirmar se apertar a pele da zona de forma contínua. Se o dedo ficar marcado ou doer significa que está a reter líquidos nessa zona. Outra forma é o aumento de peso que não está associado a uma maior ingestão de alimentos ou redução de exercício físico.

Porque surge?
A retenção é o reflexo de desequilíbrios que possam existir. Pode surgir associada a alterações hormonais (geralmente no período pré-menstrual), hereditariedade, falta de exercício, pouca ingestão de líquidos e hábitos alimentares incorretos. Alguns especialistas também a associam a comportamentos diários (como usar estar muito tempo sentada ou de pé, usar roupa apertada, stress…) ou como sintoma de outras patologias (hipotiroidismo, insuficiência renal, cardíaca ou problemas respiratórios).

Como combater?

É importante perceber que o primeiro passo para combater a retenção de líquidos é beber mais água. Ainda que pareça contraditório, ao ingerir mais líquidos mantém-se hidratada e ajuda o corpo a libertar-se de forma mais eficaz de toxinas acumuladas. Além disso, deverá consumir alimentos ricos em água, praticar atividades físicas, diminuir o consumo de sal e realizar drenagens linfáticas para facilitar a redução do inchaço e a ativação da circulação a nível dos pequenos vasos. A pressoterapia é uma abordagem muito eficaz e bastante confortável.

Fale já com a sua técnica!