Dicas

Aqui oferecemos dicas sobre tecnologia estética, tratamentos, depilação e saúde.

Acompanhe as nossas informações e esteja sempre atualizado!

Radiofrequência no Rosto

Após um período de abuso na saúde da nossa pele, como no verão, é essencial a sua recuperação.
 
Além da hidratação e esfoliação na sua rotina de higiene, para completar o efeito e recuperar a juventude da pele do rosto, a Radiofrequência é a principal referência quando se fala em flacidez facial e rugas. 
 
A sua eficácia revela uma melhoria da qualidade da pele, e da densificação das fibras de elastina e colagénio, que são as responsáveis pela elasticidade da pele. 
 
Com o avançar da idade, a pele tende a perder a elasticidade e firmeza, tornando-se mais flácida e marcada. 
 
Este tratamento funciona através da energia eletromagnética que promove o aquecimento da segunda camada da pele, a derme. O aumento da temperatura, vai ativar a microcirculação, que, por sua vez, irá oxigenar e nutrir as camadas da pele, estimular a atividade dos fibroblastos e aumentar as fibras de elastina e colagénio. 
 
O processo de tratamento é bastante simples e indolor. 
À medida que o tratamento prossegue, a pele vai aquecendo e, mesmo após a primeira sessão, é possível verificar que a pele se torna mais suave, firme e consistente ao toque. 
O número de sessões depende dos objetivos do cliente. 
 
É importante ter em atenção que há casos para os quais a radiofrequência não é aconselhável (grávidas, doentes a fazer quimioterapia, pessoas com feridas nos locais a tratar, hipertensão arterial, pacientes com pacemakers, etc).
 
Ainda assim, sugerimos que marque um diagnóstico facial com a sua técnica.
Ela melhor que ninguém saberá aconselhá-la!